CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

A coxinha inovadora

A coxinha inovadora, sebrae

A coxinha como é conhecida hoje tem mais de um século de existência e é praticamente unanimidade entre adultos e crianças. O fato de o salgadinho ser tão tradicional não impede muitas empresas de inovar na apresentação: produto gourmet, coxinha de um quilo, minicoxinhas servidas no copo, coxinha doce e até sabores pouco convencionais, como bife à parmegiana. Continua sendo coxinha, mas carrega a marca da inovação do estabelecimento.

“O primeiro passo para se diferenciar no setor é focar no público-alvo. Quem você pretende atingir?”, orienta o consultor do Escritório Regional do Sebrae-SP em Presidente Prudente, Wagner Moreira Lopes. Para os que buscam sabores diferentes, a Santa Coxinha, localizada na zona leste de São Paulo, oferece mais de 40 opções. Já a Coxinha Du Chef, com nove pontos espalhados pela capital paulista, criou dois sabores doces: brigadeiro e doce de leite. A decisão também pode ser baseada em aspetos econômicos. Para ganhos de escala, por exemplo, uma alternativa São as minicoxinhas no copo.

Com tradição de 18 anos na venda do famoso salgado, a padaria Paneteria ZN, na zona norte de São Paulo, seguiu caminho contrário e ficou conhecida no ano passado pela promoção da supercoxinha: ela tem um quilo e sai de graça para quem comer tudo em menos de dez minutos. Com a ação inovadora – e sem mudar a tradicional receita –, o estabeleci mento conseguiu atrair atenção do público e da mídia.

A iniciativa dobrou as vendas da coxinha em tamanho tradicional. “Como não conseguem comer a supercoxinha, os clientes acabam experimentando a normal para provar o sabor”, aponta a proprietária da padaria, Fátima Oliveira Dias. A qualidade reconhecida pelos clientes rendeu à Panetteria ZN o primeiro lugar na enquete da revista Veja São Paulo para eleger a melhor coxinha da cidade (edição 2014).

O curioso é que todo o sucesso começou com o erro de uma das cozinheiras, que fez o salgado grande demais. A falha virou piada entre os funcionários, que duvidaram se alguém seria capaz de comer o quitute.

Fátima gostou da reação de surpresa e apostou que aquilo poderia ser um diferencial. “Muitas vezes, grandes sucessos estão nas coisas simples e feitas com carinho”, explica.

Para quem deseja inovar na receita, a dica é colocar os produtos diferentes aos poucos, sem eliminar os tradicionais do cardápio. “A estratégia é esperar o público aderir a um sabor para depois lançar outro. Às vezes você cria muitas opções, mas não se dedica como deveria e nenhuma delas emplaca, exatamente porque não teve tempo de obter o retorno”, aponta Lopes.

Uma boa estratégia para testar a aceitação de novos produtos com os clientes, segundo o consultor, é investir em amostras grátis e em miniaturas a serem distribuídas na vizinhança em horários estratégicos entre as refeições. O empresário pode também investir em recheios diferentes e caprichar no atendimento, o que fidelizará o cliente.

Lições rápidas:

  • Todo mundo adora promoções;
  • Uma simples mudança no tamanho dos produtos influencia na visão do cliente e no lucro;
  • Inovações acontecem quando se está disposto a tentar coisas diferentes.

Acompanhe outros conteúdos como esse no site do Sebrae Mercados.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae