CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

7 boas práticas de mídias sociais para franquias

7 boas práticas de mídias sociais para franquias

Fonte: Revista PEGN
A partir da esquerda, Ashley Betzendahl, Deb Binder e Andy Giefer (Foto: Mariana Iwakura)
A partir da esquerda, Ashley Betzendahl, Deb Binder e Andy Giefer (Foto: Mariana Iwakura)

As mídias sociais são úteis não só para dialogar com o usuário final do produto ou do serviço de uma franquia. Esses canais podem servir também para captar leads de vendas de unidades e engajar os clientes de cada loja.
Ashley Betzendahl, gerente de comunicação social da rede de escolas infantis Goddard Systems, Deb Binder, vice-presidente da Ingage Consulting, e Andy Giefer, diretor de mídias sociais e digitais das academias Anytime Fitness, promoveram uma discussão sobre esses temas durante da 54ª Convenção Anual da International Franchise Association, em Nova Orleans, nos Estados Unidos. Os especialistas apontaram as melhores práticas para as franquias.
1. Promova o engajamento. Para Ashley, a resposta dos usuários ao conteúdo postado é mais importante do que o número de seguidores em si. Com o intuito de engajar essas pessoas, a Goddard publica conteúdos não só sobre a marca, mas também sobre o universo infantil. “É preciso entregar valor ao usuário. Nós ajudamos os pais propondo atividades e receitas para fazer com as crianças”, diz Ashley.
2. Entre somente nas redes que façam sentido para o seu negócio. Por lidar com um público infantil, a Goddard não está no Instagram. Segundo Ashley, a empresa tem uma política de não postar fotos de crianças. A marca também não quer incentivar que os pais façam check-in no Foursquare.
3. Use o Facebook para incrementar a venda de unidades. Na fanpage da sua marca, faça uma aba sobre oportunidades em franchising. Boa parte dos seguidores da marca serão clientes finais, mas é preciso abarcar quem se interessa em fazer negócio com você. A rede social também permite a segmentação dos posts patrocinados pelo perfil demográfico que mais se interessa pelas suas franquias.
4. Aproveite o YouTube. A Goddard utiliza seu canal na rede social para promover seu sistema de franchising. Durante as convenções anuais, os franqueados dão depoimentos em vídeo sobre o negócio. Depois, essas peças viram uma playlist no canal.
5. Monitore. Há ferramentas gratuitas e pagas para o acompanhamento das mídias sociais. “Nós usamos as duas”, diz Ashley. Com o Hootsuite, por exemplo, é possível monitorar não só o que estão falando da sua marca, mas também o que estão opinando sobre os concorrentes e o mercado.
6. Organize os posts. As redes que determinam aquilo que o franqueado deve postar precisam ordenar um calendário de postagens, enviá-lo às unidades a cada semana e mandar lembretes, se necessário. “Forneça aos franqueados o conteúdo que eles podem compartilhar”, afirma Andy Giefer. Na Anytime Fitness, a intranet contém imagens para campanhas, vídeos com tutoriais para fazer posts e bons exemplos de conteúdo que gera engajamento.
7. Engaje os franqueados. Premie os parceiros que estão conseguindo os melhores resultados pelas mídias sociais e promova o conteúdo deles. “Compartilhe o que eles estão fazendo de interessante nas suas unidades”, diz Deb Binder.

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae