CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

54 mil lojistas devem visitar a Feicon Batimat 2013

54 mil lojistas devem visitar a Feicon Batimat 2013

 
Número de visitantes do varejo vai bater o recorde em 2013

Como entidade apoiadora da Feicon Batimat, a Anamaco traz excelente expectativa para o evento em 2013, principalmente pelo número de visitantes do varejo, que deve bater o recorde. Cerca de 54 mil lojistas do setor devem participar da feira, que começou nesta terça-feira, no Anhembi, em São Paulo, gerando mais de R$ 350 milhões em negócios.

“A Feicon Batimat é o momento mais importante do ano para o setor da Construção. São mais de 2 mil lançamentos, que antecipam as tendências e novidades em termos e tecnologia e inovação para o setor. Além disso, há uma movimentação significativa de negócios. O ano só começa para nós após a Feicon Batimat”, declara Cláudio Conz, presidente da Anamaco. 
Segundo ele, 2013 deve ser o ano chave para o setor. A entidade espera que o varejo de material de construção cresça 6,5% sobre 2012, quando bateu recorde de faturamento – 55 bilhões de reais. “As expectativas de desempenho para o ano são as melhores possíveis. Apesar de termos iniciado o ano com queda, as vendas em março sempre são as mais otimistas do ano. Agora que o Carnaval já passou e o período de chuvas já deixou seu rastro, as coisas tendem a melhorar para o setor. Janeiro e fevereiro são meses em que as pessoas ainda estão viajando, março já é mês de retomada de obras e deve ser assim no restante no ano”, afirma.
De acordo com o presidente da Anamaco outros fatores tendem a manter a tendência de aquecimento do setor, como a continuidade de programas como o PAC – Plano de Aceleração do Crescimento e Minha Casa Minha Vida (1 e 2), bem como as obras para a Copa do Mundo de 2014 e Jogos Olímpicos de 2016, além da manutenção da isenção do IPI – Imposto sobre Produtos Industrializados até o final do ano. “Além disso, o consumo das famílias brasileiras vai continuar alavancando a atividade econômica do País. O resultado do PIB (Produto Interno Bruto) do quarto trimestre de 2012 revela que o consumo interno continua sendo o pilar da economia, puxado por uma conjunção de fatores como a renda do trabalhador, que está em alta, e a taxa de desemprego que está em um dos seus menores níveis históricos”, completa.
Fonte: Anamaco
Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae