CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

4 dicas para usar os gatilhos mentais

4 dicas para usar os gatilhos mentais

Se você está lendo este post, provavelmente está em busca de maneiras para explorar as oportunidades que os gatilhos mentais proporcionam, não é mesmo?

Eles são estratégias altamente eficientes, uma vez que utilizam de impulsos e reflexões mentais para fazer com que uma pessoa acabe despertando o interesse por determinado produto ou serviço, isso, claro, de forma genuína.

Por essa razão, os gatilhos mentais estão sendo cada vez mais utilizado pelas empresas, especialmente para aquelas que atuam em setores mais competitivos, como na venda de molas de compressão, entre outros.

Mas, afinal, como utilizar os gatilhos mentais de maneira eficiente? Para fazer com que os gatilhos sejam aplicados da maneira correta para o seu público-alvo, é importante seguir algumas dicas essenciais.

Por essa razão, nós reunimos neste post as maiores maneira de usar cada um dos gatilhos mentais para engajar as pessoas e motivá-las a agir na hora da compra.

Quer saber mais sobre tudo isso? Então não deixe de nos acompanhar neste post! Está preparado?

1- Gatilho mental da escassez

Esse é um dos gatilhos mais populares e utilizado especialmente por restaurantes e lojas diversas, pois instiga a percepção de raridade para um determinado produto.

Em nosso subconsciente coletivo, quanto mais difícil for para nós conseguirmos algo, mais valioso ele se torna. 

Por isso, se você tem uma loja de ímã de neodímio, por exemplo, uma estratégia interessante é oferecer produtos com baixa quantidade de estoque. Essa inclusive é uma das principais ações da loja Amazon.

2- Urgência

O gatilho mental da urgência é semelhante ao gatilho da escassez, porém, focado no fator tempo. Ou seja, neste tipo de estratégia, o produto ou serviço tem um tempo determinado para ser comprado.

Se você vende moinho de milho, por exemplo, oferecer descontos exclusivos em data comemorativas ou até mesmo elaborar campanhas de edições limitadas é uma ótima forma de aplicar esse gatilho mental.

3- Novidade

O gatilho mental de novidade é muito utilizado como estratégia de marketing para o lançamento de um novo produto ou serviço no portfólio de uma marca.

Também é muito utilizado em fabricantes de smartphones e automóveis, uma vez que sempre há novas versões dos produtos, e por isso, lançar os novos modelos de forma estratégica pode alavancar ainda mais as vendas.

É importante, ao aplicar o gatilho mental de novidade, que o novo produto ou serviço tenha recursos ou uma qualidade superior aos já existentes no mercado. Dessa forma, é possível ganhar destaque com o seu público!

4- Prova Social

Por fim, mais um gatilho mental é a prova social, que por sua vez, lida com o fator da confiança e da recomendação para atrair novos clientes.

Quando você pretende comprar algum produto ou serviço, e vê que muitas pessoas que já experimentaram o mesmo demonstram satisfação pela aquisição, as chances de compra se tornam naturalmente maiores.

Ou seja, com mais recomendações, você tem mais confiança naquilo e pensa que já não pode ficar sem o produto ou serviço.

E uma das maneiras mais simples de construir provas sociais é elaborando pesquisas de satisfação em troca de conteúdos ou descontos, por exemplo.

Agora que você já sabe sobre essas dicas incríveis para usar os gatilhos mentais, o que acha de aplicar algum deles em seu negócio e ter sucesso? Gostou do post?

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Comentário ( 1 )

  1. Lucas, gostei muito de vosso artigo. Tenho estudado muito o Livro de Robert Cialdine “Armas da Persuasão”, mas continuo com algumas dúvidas. Parabéns pelo conteúdo de valor.

    Magnus Rossi advogado digital

Deixe um comentário

Sobre Lucas SouzaEspecialista


Me siga