CADASTRAR

Entrar


Senha perdida

Perdeu sua senha? Por favor, indique o seu endereço de e-mail. Você receberá um link e criará uma nova senha por email.

Adicionar pergunta

Perguntar é uma funcionalidade apenas para usuários registrados.
Você deve fazer login ou se cadastrar para fazer a pergunta.

Entrar


CADASTRAR

Você pode se cadastrar gratuitamente no site. Basta clicar em CRIAR UMA CONTA e seguir o passo a passo.

1º Encontro de empreendedores do leite em São Luiz do Paraitinga

1º Encontro de empreendedores do leite em São Luiz do Paraitinga

sebrae mercado, encontro de empreendedores do leite em são luiz do piraitinga

O APL (Arranjo Produtivo Local) de Leite e Derivados da Microrregião de Taubaté promoveu no dia 21 de agosto, em São Luiz do Paraitinga o 1º Encontro de Empreendedoras do Leite. Cerca de 80 mulheres participaram do cronograma de atividades.

O evento fez parte da programação do 7º Encontro Regional de Mulheres do Vale do Paraíba e teve duas palestras gratuitas: “A Importância da Mulher no Empreendedorismo”, com a consultora do Sebrae-SP Maria Lucia Baltazar Candido, e “Valorização da Mulher Produtora e Empreendedora Rural”, comandada pela consultora Giane Santos, da Fundamental Treinamento e Consultoria Empresarial.

“O evento foi uma oportunidade de conhecer produtoras de outras cidades e um incentivo, pois muitas não têm a consciência da importância das mulheres no campo. A gente se sente valorizada. Além disso, foi um pontapé inicial para o grupo perceber as vantagens de participar do APL”, comentou Nelma, que também trabalha com pecuária leiteira.

Segundo a analista do Sebrae-SP Julia Guaragna, que é gestora da entidade em São Luiz do Paraitinga, o evento foi um reconhecimento ao importante papel da mulher no campo.

“É necessário que elas sejam valorizadas, que entendam a força que possuem e se sintam parte fundamental para o desenvolvimento do Arranjo Produtivo Local de Leite e Derivados”, comentou.

O APL de Leite e Derivados conta atualmente com 524 produtores de sete cidades e tem um grupo gestor formado por representantes técnicos do Sebrae-SP, CATI (Coordenadoria de Assistência Técnica Integral), Comevap (Cooperativa de Laticínios do Médio Vale do Paraíba), Coordenadoria de Defesa Agropecuária do Estado, Prefeitura de Taubaté, Sindicato Rural de Taubaté e Universidade de Taubaté, por meio do Departamento de Ciências Agrárias.

Essas entidades contam ainda com o apoio técnico/científico da APTA (Agência Paulista de Tecnologia do Agronegócio) e Senar (Serviço Nacional de Aprendizagem Rural).

 

Fonte: Sebrae São Paulo

Compartilhe esse conteúdo em suas redes sociais!

Deixe um comentário

Sobre Sebrae MercadosSebrae